Por que fazer um seguro viagem?

Então chega o momento daquela tão esperada viagem! Tudo preparado com antecedência, documentos, roteiro, hospedagem, malas, até mesmo os gastos foram calculados aproximadamente, parece que nada pode acontecer fora do planejado. Mas, e se acontecer?

Mesmo com tudo planejado bem antes é impossível saber quando um imprevisto vai exigir uma saída de emergência, ainda mais se a viagem for para outro país onde, por exemplo, a assistência médica é diferente em cada lugar.

Uma maneira bastante ideal para se precaver de acontecimentos inesperados é incluir nos preparos a contratação de um seguro viagem.

 

O que é um seguro viagem?

Assim como não podem faltar documentos, um seguro deve ser item essencial em uma viagem. Ele terá enorme utilidade diante de um problema como perda da bagagem, um pneu furado ou algum acidente. Uma ajuda muito bem vinda em todos os momentos.

Além disso, o seguro viagem é obrigatório em 26 países europeus integrantes do Tratado de Schengen (Alemanha, Áustria, Bélgica, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Holanda, Itália, Islândia, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Polônia, Portugal, República Tcheca, Suécia, Suíça, Liechtenstein, Bulgária, Romênia, Chipre), que exige a contratação de um seguro com o valor mínimo de € 30 mil euros a turistas para despesas médicas ou óbito.

 

O que o seguro viagem cobre?

Se ainda não está convencido da importância de fazer um seguro viagem veja o que ele cobre:

– Extravio de bagagem: uma coisa muito chata em uma viagem é ter sua bagagem extraviada, para não ficar no prejuízo logo no começo, um seguro garante uma indenização.

– Despesas Médicas, hospitalares e/ou odontológicas (DMHO nacional e internacional): que não aconteça de alguém ficar doente ou sofrer um acidente, mas se acontecer em um lugar em que as despesas médicas são caras é bom ter um auxílio. Se uma dor de dente aparecer, outro caso que ninguém quer, só que é melhor se prevenir.

– Translado de corpo: mais uma situação difícil de planejar na viagem e que pode ter reembolso com o seguro.

– Perda de documentos: uma distração e os documentos são esquecidos no banco da praça, ou caem do bolso em um looping da montanha russa ou pior, um assalto.

– Atraso da companhia aérea: não fique no prejuízo se o voo atrasar, com o seguro essa despesa também pode ser resolvida.

– Cancelamento da viagem: ninguém pensa em precisar cancelar a viagem, porém é bom estar segurado para esse tipo de imprevisto.

Existem outras coberturas, lembre-se de ler com atenção as cláusulas do contrato para saber quais são as coberturas e garantias do seguro.

 

Seguro viagem é somente para viagens internacionais?

Ainda que viajar para outro país seja mais complicado quando se pensa em assistência médica ou suporte para o inesperado, uma viagem nacional não está isenta em ter acidentes e surpresas. Por isso, seja prevenido mesmo estando em solo brasileiro.

 

Como contratar o seguro ideal para sua viagem?

Para decidir qual seguro vai ajudar sua viagem a ter mais tranquilidade e proteção, procure uma corretora de seguros. Um corretor pode indicar o que mais se adequa a seu perfil e à sua viagem.

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *